Nenhum poema mais faz sentido. Que lindo, me livrei de você.

Eu me chamo Antonio.   (via verbografos)

A dor cria um escritor.

Charles Bukowski.   (via verbografos)

Um corte. Foi isso o que eu senti. Palavras podem cortar, cortar, como uma navalha. Mas eu morri afogado, te contei? Mergulhado num oceano de coisas que você não disse.

You need to go back, Isaac.   (via verbografos)

Sempre plantei o amor por aí, mas nunca entendi o porque eu só colhia dor.

Dois tons de amor. (via doistonsdeamor)